Combined ShapePage 1Page 1Page 1Page 1Page 1icon-01briicon-03briicon-02briicon-emailGroup 5Group 9icon-keyPage 1Page 1ArtboardPage 1Group 14Shape CopyPage 1Page 1Page 1Ativo 1cardiomedArtboardGroupGroup 9

Como faço para escolher o ar-condicionado ideal para o meu ambiente?

Comprar um modelo de ar-condicionado para ter uma temperatura mais agradável em casa está nos planos de muita gente. Porém não são todas as pessoas que sabem o que é preciso levar em consideração na hora de escolher um aparelho para casa ou para o escritório. Há uma série de fatores que devem ser observados para que você faça a melhor escolha possível.

Neste artigo, listamos alguns itens que você deve levar em consideração antes de comprar um aparelho de ar-condicionado. A ideia é que você encontre a opção ideal para resolver os seus problemas e não tenha decepções depois da instalação.

Faça o cálculo da potência

O primeiro aspecto a ser observado é a potência do ar-condicionado. Esse valor é expresso em BTUs, sigla para British Thermal Unit. Quanto maior o número de BTUs, maior é a área em metros quadrados que o ar-condicionado é capaz de impactar. Depois de descobrir o valor aproximado, lembre-se de deixar uma margem de segurança. Você pode se basear pela seguinte tabela de referência:

  • Área de 9m² – de 7.500 a 9.000 BTUs
  • Área de 12m² – de 9.000 a 10.000 BTUs
  • Área de 20m² – de 10.000 a 12.000 BTUs
  • Área de 25m² – de 12.000 a 15.000 BTUs
  • Área de 30m² – de 15.000 a 18.000 BTUs
  • Área de 40m² – de 18.000 a 21.000 BTUs
  • Área de 50m² – de 21.000 a 30.000 BTUs
  • Área de 60m² – de 22.000 a 30.000 BTUs
  • Área de 70m² – de 30.000 a 30.000 BTUs

Defina o ciclo do aparelho

Alguns modelos de ares-condicionados contam com dupla função, ou seja, podem tanto aquecer quanto resfriar o ambiente. Você tem necessidade dos dois recursos? Se sim, saiba que esses modelos custam um pouco mais, mas em compensação podem ser utilizados como um aquecedor. Moradores de cidades onde a temperatura costuma ser muito alta, por exemplo, podem não ver tanta utilidade nessa função.

Existem vários modelos

Há vários tipos de ares-condicionados e cada um tem as suas particularidades na hora da instalação. A lista inclui os modelos Janela, acessíveis, mas com maior índice de ruídos; Split Hi Wall ou Multisplit, acessíveis, silenciosos e eficientes; e Portáteis, ideais para pequenos ambientes, apesar da potência restrita. Por fim, há os aparelhos com a tecnologia Inverter, que consomem menos energia e evitam que haja variações de temperatura ao longo do dia.

Verifique a voltagem

Por fim, fique de olho se a voltagem do ar-condicionado em questão é compatível com a da sua residência. Os modelos do tipo Split Hi-Wall, por exemplo, são compatíveis apenas com 220v, o que pode torná-los inviáveis para a sua região. Outra solução, caso você considere esse modelo a melhor opção, é solicitar a presença de um eletricista para que ele possa fazer a instalação da maneira correta.

Philco

Deixe o seu comentário

Campos obrigatórios *

Newsletter

Cadastre-se e receba as novidades, dicas e ofertas Philco.